quarta-feira, 16 de março de 2011

TUDO O QUE VOÇÊ QUERIA SABER SOBRE MMA



Você já escutou algo sobre MMA? Mixed Martial Arts? Ou ainda em Vale Tudo?

Sim, certamente você já deve ter ouvido falar deste que é um dos esportes que mais crescem em todo o mundo atualmente.
O MMA é definido como uma modalidade de luta onde os praticantes não precisam seguir um estilo específico de arte marcial. Vem daí o nome “técnico” do esporte: Mixed Martial Arts (Artes Marciais Misturadas).

O esporte possibilita ao praticante utilizar qualquer golpe ou técnica das mais diferentes artes marciais como o boxe, jiu-jítsu, caratê, judô, muay thai, entre outras.

O bom lutador é aquele que domina boa parte dos principais golpes de uma grande variedade de artes marciais e sabe aplicá-los no momento certo.

Ao contrário do que todo mundo acha, não “vale tudo” no MMA. O esporte vem evoluindo e profissionalizando-se de tal maneira que as regras estão cada vez mais rígidas.

O intuito de toda esta evolução é preservar cada vez mais a integridade física do atleta.

Os praticantes estão cada vez mais técnicos e preparados.

História

Os primeiros eventos precursores do MMA datam de 648 a.C. e surgiram na Grécia. Os gregos criaram o Pankration, uma combinação de duas palavras gregas: pan, que significa tudo ou vários, e kratos, que significa força. O esporte, que era uma mistura de boxe e wrestling, logo se tornou o evento mais popular dos jogos olímpicos. Esse é o primeiro registro da existência de algo semelhante ao MMA.

O declínio do Pankration coincidiu com a ascensão do Império Romano. A luta mista deixou de ser tão popular, dando lugar a esportes como o boxe e o wrestling, que eram mais difundidos no Ocidente.

Em 1925 os combates com mistura de diferentes artes marciais voltaram ao cenário mundial graças a uma família de brasileiros. A história do moderno MMA está intimamente ligada à história da família Gracie. Carlos Gracie aprendeu a lutar judô com Mitsuyo Maeda, um japonês que vivia na mesma região. Mais tarde Carlos ensinou o esporte a seus irmãos e aos poucos foi adaptando as regras e golpes do mesmo, criando o jiu-jítsu brasileiro.

Logo Carlos abriu uma academia no Rio de Janeiro. Com o intuito de chamar a atenção para a mesma, ele inventou o “Gracie Challenge”, onde desafiava outros lutadores. Estes desafios serviam para que os Gracies promovessem sua luta, mostrando que podiam derrotar qualquer adversário, não importando a arte marcial que praticasse. Os combates ficaram conhecidos como Vale Tudo.

As lutas foram ganhando popularidade tal que passaram a ser realizadas em estádios de futebol. A idéia era mostrar que era possível derrotar qualquer adversário, seja qual fosse o seu porte físico. Os Gracies foram tão felizes em sua “empreitada” que acabaram levando a sua arte para os Estados Unidos, onde montaram uma academia e passaram a ensinar o jiu-jítsu brasileiro.

A partir de então, grandes eventos passaram a ser organizados. Em 1993 aconteceu o primeiro Ultimate Fighting Championship(UFC), vendendo 86 mil cotas de per-pay-view já na primeira edição. Na terceira edição do evento o número de cotas vendidas pulou para 300 mil.

Os primeiros UFCs tinham poucas regras, não havendo divisão de peso, limite de tempo ou equipamento de segurança. A luta ocorria em uma gaiola octogonal, chamada de “The Octagon”. A partir de então o evento foi evoluindo e hoje é, sem dúvida, um dos maiores da modalidade. Normalmente os lutadores disputam eventos menores durante cerca de 5 anos para então começarem a competir em eventos maiores como o UFC, o Pride e o K-1.

O MMA é hoje um esporte de alta performance, além de ser um verdadeiro show de entretenimento. Os limites existem, mas apenas dentro dos ringues. Fora de combate, não há limite para o número de fãs deste esporte, que triplicam a cada ano que passa.

Prática, regras e eventos

­Prática
A prática do MMA passa antes de tudo por muito treino em alguma arte marcial específica. Normalmente, um bom lutador de MMA já se destacou em alguma arte marcial. As academias ficam de olho nos talentos específicos de cada lutador e o encaminham para o treino de MMA quando ele está pronto para isso.

A prática de MMA está se tornando comum também entre aqueles que querem apenas fazer um exercício físico. As academias oferecem aulas de MMA para os mais variados públicos, de lutadores profissionais a mulheres que desejam apenas manter a forma.

Não existe uma idade mínima para começar a treinar MMA. Crianças de 5 e 6 anos praticam artes marciais como caratê e judô. Aos 12 e 13 anos já estão aptas a misturar as artes em uma aula mista, por exemplo - o que está a um passo do verdadeiro MMA.
Normalmente, até os 14 anos, as crianças e pré-adolescentes aprendem a técnica dos golpes e fazem condicionamento físico. O ideal é que o contato físico mais intenso nas aulas aconteça apenas depois disso. Como todo esporte de contato, os riscos de lesões existem. É muito importante saber escolher o local adequado para a prática. Existem excelentes academias espalhadas por todo o Brasil. Certifique-se de que o seu instrutor possui o conhecimento adequado. É importante também que você respeite as limitações do seu corpo.

Não há registro de morte em luta profissional de MMA. Em toda luta oficial existe uma equipe médica acompanhando bem de perto os lutadores - a prioridade é manter sua integridade física. O que mais acontece são cortes, em virtudes de socos. Eventualmente um lutador quebra um braço quando cai sem jeito.

Regras


No Brasil, como não existe um único órgão regulador desta modalidade, não existem regras padronizadas. Elas variam muito de evento a evento. Porém, a grande maioria dos eventos adota como base as regras do Pride, maior competição do mundo.

Felizmente, a maioria dos eventos tem imposto regras que buscam evitar danos graves ao lutador. A seguir as regras mais usadas nos eventos:

Regras gerais

  • Os lutadores devem usar luvas de dedo aberto fornecidas pelo evento.
  • É obrigatório o uso de coquilha (acessório para proteção genital).
  • É obrigatório o uso de protetor bucal.
  • É permitido (porém, não obrigatório) o uso de: sapatilhas, protetores para os joelhos, protetores para os cotovelos e bandagens para os tornozelos e punhos.
  • Os lutadores não podem aplicar na pele produtos como óleo, vaselina etc.
Regras de combate
  • É proibido:
    • acertar a região genital
    • morder
    • enfiar os dedos nos olhos do adversário
    • puxar o cabelo
    • acertar a nuca (Pride)
    • dar cotoveladas de cima para baixo
    • dar qualquer tipo de cotovelada (Pride)
    • dar cabeçada
    • agarrar as cordas do ringue
    • jogar o oponente para fora do ringue
    • chutar o adversário quando ele está no chão (UFC)
    • pisar na cabeça
    • dar pedaladas quando o adversário estiver com os joelhos no chão
  • Os lutadores que deixarem a luta “amarrada”, não demonstrando agressividade, são advertidos e a luta é reiniciada.
  • Se os dois lutadores estiverem no solo a ponto de sair do ringue, o juiz deve parar a luta e colocar os dois lutadores na mesma posição no centro do ringue.

Regras para término de combateA luta termina quando um dos combatentes não consegue mais se defender dos golpes deferidos contra ele. Isso acontece quando:
  • o lutador bate no tatame, indicando que não suporta mais o golpe
  • o treinador joga a toalha no ringue
  • o lutador desmaia ou o juiz decide que ele não pode mais continuar
  • o lutador sangra, e o ferimento não é estancado pelo médico no tempo estabelecido
  • o lutador viola as regras listadas acima
  • o tempo de luta se esgota
Eventos

Dois grandes eventos agitam o mundo do MMA - o Ultimate Fighting Championship (UFC) e o Pride. No final do mês de março de 2007, o UFC anunciou oficialmente a compra do Pride, realizado no Japão. A união entre as empresas proporcionou também um evento anual envolvendo os principais campeões do UFC e do Pride.
Isto aconteceu recentemente no UFC 82 realizado na madrugada de 2 de março, no Estado norte-americano de Ohio. O brasileiro Anderson Silva, o "spider", detentor do cinturão da categoria pesos médios do UFC, lutou contra Dan Henderson (EUA), detentor do cinturão da mesma categoria no extinto Pride. O brasileiro deu um verdadeiro show e finalizou o seu adversário defendendo o seu título no UFC, levando dois prêmios para casa: melhor luta e melhor finalização.

Golpes e técnicas


Por ser uma verdadeira mistura de artes marciais, não existem golpes e técnicas específicas do MMA. Os praticantes literalmente misturam os mais diversos golpes das mais variadas artes marciais como o caratê, judô, jiu-jítsu, muay thai, kickboxing, wrestling, entre outros.

Toda academia de artes marciais é um potencial local para formação de um novo campeão de MMA, visto que para chegar lá o lutador de MMA deve aprender o maior número de golpes e técnicas possíveis de todas as artes marciais. O treinamento do momento se chama “cross training”, isto é, treinamento cruzado. Os lutadores praticam diferentes artes marciais ao mesmo tempo.

O lutador tem que ser extremamente ágil e procurar utilizar os melhores golpes de ataque e defesa de cada arte marcial no momento certo. Não podemos deixar de mencionar a importância do jiu-jítsu brasileiro e a sua influência no MMA. Não é à toa que o Brasil possui alguns dos melhores lutadores do mundo de MMA do mundo!

Aqui vão algumas gírias e golpes do MMA:
  • Americana: chave de braço
  • Double-leg: derrubar o adversário agarrando suas duas pernas
  • Finalização: o lutador fica imobilizado pelo adversário e dá o aviso de que está desistindo da luta (o juiz também pode finalizar a luta ao perceber que o lutador não terá condições de livrar-se do golpe) *a decisão por finalizar uma luta é subjetiva e pertence ao lutador ou ao juiz- normalmente os juizes são ex-lutadores, conhecem os golpes e sabem exatamente a hora de encerrar uma luta - eles sabem que se não finalizarem naquele momento, o lutador pode querer sair do golpe e acabar se machucando seriamente -novamente a intenção é preservar a integridade física do atleta
  • Grappler: lutador que vai muito bem em luta no chão
  • Ground and pound: colocar o adversário para baixo e desferir socos de dentro da guarda do oponente
  • Leg-lock: chave de joelho
  • Lutador cego de chão: lutador que não sabe agir quando a luta está no contato de solo
  • Knockdown: derrubar o adversário com um golpe, quase nocauteando
  • Raspagem: inverter a posição com a luta no chão, saindo de baixo e passando a lutar por cima do adversário
  • Single-leg: derrubar o adversário agarrando uma de suas pernas
  • Striker: lutador que aplica bons golpes quando a luta está em pé
  • Takedown: derrubar o adversário

Brasileiros que se destacam


Entre outros aspectos a história deste esporte teve um papel fundamental na ascendência dos brasileiros sobre os lutadores do mundo todo. O Brasil é um “celeiro” de grandes lutadores de MMA. Muitos deles figuram como grandes lutadores dos maiores eventos mundiais - Ricardo Arona, Murilo Bustamante, Daniel Acácio, Assuério Silva, entre outros. Conheça um pouco mais sobre cinco grandes nomes do MMA no Brasil: Anderson Silva, Maurício Shogun, Murilo Ninja, Wanderlei Silva e Antônio Rodrigo Nogueira Minotauro


Anderson Silva
Anderson teve o seu primeiro contato com as artes marciais aos 14 anos de idade, quando começou a praticar o taekwondô. Em seguida ele praticou também o Muay Thai, estreando no MMA, apenas no ano 2000. Atualmente ele é o melhor peso médio do MMA do mundo.

Maurício Shogun
Shogun tem como principal estilo o muay thai, e sua técnica de jiu-jítsu também é muito apurada. É um dos melhores lutadores do mundo e, em praticamente todas as lutas suas vitórias foram decretadas por nocaute ou finalização. Shogun obteve o cinturão do Pride Grand Prix em 2005 na categoria middleweight.

Murilo Ninja

Murilo Ninja vem escrevendo sua história no MMA. Considerado um atleta muito agressivo e com muita fibra, ele é um dos lutadores mais respeitados do mundo. Ninja vem intensificando seu treinamento a cada dia sempre com um único objetivo: vencer e ser campeão por onde passa.

Wanderlei Silva

Wanderlei Silva, ex-campeão mundial de MMA, nasceu em 3 de julho de 1976, e aos 13 anos, achando-se baixinho e gordinho, começou a treinar com um objetivo simples - melhorar sua estética e arrumar uma namorada.

Desde então, o curitibano já participou de mais de 30 lutas e perdeu apenas cinco, além de ser bicampeão mundial de MMA, representando o Brasil nos Prides internacionais. Ele é ídolo em vários países, especialmente no Japão, onde é personagem de videogame e garoto propaganda de diversos comerciais de TV.

Antônio Rodrigo Nogueira Minotauro
Minotauro iniciou sua carreira em 96. Em 99 foi morar nos Estados Unidos onde venceu alguns importantes torneios de jiu-jitsu e de judô. Em seguida começou a disputar grandes eventos de MMA. Minotauro chegou a abrir uma academia de artes marciais nos Estados Unidos, mas acabou voltando ao Brasil para se aprimorar ainda mais no jiu-jitsu. Uma de suas melhores atuações foi no Pride 16, disputado no Japão, onde derrotou Mark Colleman, um dos grandes nomes do MMA. A partir de então, Minotauro tornou-se um dos maiores lutadores do mundo de MMA.



TREINAMENTO


   


o treino de MMA é popular por causa da aptidão superior, força explosiva, e físico de lutadores. A melhor as habilidades durante o treinamento, o melhor é a forma de músculos, velocidade e agilidade. Ele ajuda a desenvolver a força física e psicológica, a velocidade, faz um mais adaptativo ao estresse, e disciplina inculca. Diário formadores estão inventando novos exercícios e inovadoras para melhorar ainda mais a força ea resistência dos amantes de artes marciais mistas. Você pode encontrar pacotes personalizados que incluem uma variedade de intensas atividades físicas para manter-se em perfeita forma.

O treino de MMA Top Inclui

Basta ir a academia e levantar pesos, não é suficiente para dar benefícios do treino de MMA. Você precisa seguir condicionado adequado e de várias técnicas. Os pontos seguintes ilustram alguns populares treinos de artes marciais mistas prescritos por instrutores de topo.

condicionamentos Superior são parte essencial do treino de MMA. Ele inclui uma série de exercícios de baixa intensidade, como correr, jugging, flexões, alongamento, depressões e polichinelos. Academias até têm bicicletas de exercício para uma melhor warm-ups.
Bolsa Trabalho é um exercício de arte popular marciais mistas. prática Fighters bater, socar e chutar qualquer alvo sólido para desenvolver a força. Principalmente borracha ou sacos de areia são usados para treino de MMA.
exercícios de treinamento com pesos são de dois tipos. Durante o treinamento, você pode usar equipamentos, como halteres. No entanto, é extremamente importante que você use seu peso para o máximo.
exercícios melhora Cardio também são largamente utilizados pelos formadores. Ele inclui corrida, ciclismo, e programas de treinamento em circuito.
Core exercícios com foco em treinamento de força também são usados extensivamente para a construção six-pack corpo e abs.
exercícios de treinamento densidade Inovador, o treinamento do intervalo, bíceps e tríceps treinos e hipertrofia são também muito utilizados pelos formadores.

Maximizar os benefícios de treino de MMA

Uma série de medidas que podem melhorar a sua produção de arte marciais mistas e desempenho.

Sempre seguir um esquema de progressão durante o treino de MMA. Formadores aconselhar os participantes para participar de cursos básicos e aumentar gradualmente a intensidade dos treinos.
Certifique-se que os treinos de artes marciais mistas foco em habilidades biomotor em nosso corpo. Maior força, resistência, velocidade, agilidade, coordenação e equilíbrio são as chaves para adequação final.
Mantenha o espaço para descanso e recuperação em sua rotina o planejamento em curto e longo prazo. Siga o seu dia misturado treinos de artes marciais com o exercício devagar. Também manter dois ou três dias por semana para dar o seu corpo a oportunidade de descansar e se recuperar.
Warm-ups são uma obrigação para reforçar as vantagens da formação no MMA. Ela condiciona o corpo ea mente.
treinamento psicológico também influencia o resultado de exercícios. Ele fornece motivação e ajuda a controlar as emoções durante os exercícios intensos.
dieta adequada aumenta a resistência física eo nível de resistência dos combatentes. No treino arte marcial misturada exige alta resistência física, a ingestão adequada de proteínas e carboidratos é essencial.

treino de MMA muda a personalidade, se seguidos com orientação correta. É diferente dos exercícios comuns de intensidade, forma e resultados. Um plano personalizado ajuda a economizar energia e aquisição de competências. Você pode incorporar exercícios específicos, treinar e desenvolver a melhor forma física.

BONS TREINOS!!!!!!!!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...