sábado, 27 de agosto de 2016

3 Lesões que te tiram da corrida e como cuidar!

Temos três lesões muito prevalentes na corrida e sabemos que elas podem ser prevenidas e tratadas com três coisas: incorporar na sua rotina treino de core, treino de força e melhora da técnica. Vamos a elas:
“CANELITE”:
 Dores na canela são provocadas por aumento de stress na tíbia quando corpo não consegue “absorver” impacto e reparar a micro lesões provocadas por qualquer treino. Muito comum nos aumentos de quilometragem semanal e em corredores com maior peso na balança.
Sintomas
  • Dor na canela no osso.
Algumas Causas
  • Biomecânica: dentre as alterações temos o Overstrinding quando pé toca o chão muito longe do quadril.
overstride
  • Outro aspecto é musculatura muito “dura”.
  • “Overpronação” termo utilizado para dizer que o pé vira demasiadamente para dentro.
overpronation
Prevenção
  • Subir quilometragem de forma gradual.Se necessário fazer menos kms/semana ou até suspender a corrida. Outra opção para manter o Sistema Cardiovascular e se manter treinado é pedalar ou remar, ambos tem ótima transferência de treinamento para corrida.
  • Aumentar a cadência da passada. Cerca de 170 a 180 é o ideal. Para isso usar metrônomo.
  • Utilizar liberação miofascial com Foam Roller, “soltando” musculatura da perna.
DORES NO JOELHO
As dores no joelho são provocadas por Sindrome Patelar, Condromalácia, Inflamação no Trato Iliotibial.
Algumas Causas
  • Pouca força no quadril.
  • Rigidez da musculatura.
  • Aumento abrupto na quilometragem semanal.
  • Excesso de descida.
  • Biomecânica:  Overstrinding, é de novo. Tilt de Pelve é quando quadril tem grande movimentação (veja aqui).
Prevenção
  • Fortalecer o quadril. Isso pode ser feito com pranchas, exercícios com Ponte (aqui), agachamento e levantamento terra.
  • Manter o quadricipes bem alongado.
  • Cuidar da subida de quilometragem.
FASCITE PLANTAR
A fáscia plantar é um ligamento que conecta o osso do calcanhar (calcâneo) aos dedos do pé.
fascia plantar
Sintomas
  • dores no calcanhar.
  • dor aumenta no caminhar.
  • dor intensa pela manhã.
Algumas Causas
  • Aumento abrupto na quilometragem semanal.
  • Pé plano.
  • Pouca flexibilidade tornozelo.
Prevenção
  • Fortalecimento dos músculos da panturrilha.
  • Aumento gradual da quilometragem semanal.
  • Fortalecimento dos músculos do pé.
Como podem ver um fator comum para todas as lesões é o aumento da quilometragem semanal, fato que ocorre quando estamos nos preparando para meia e maratonas. Por isso algumas pessoas podem levar mais tempo para fazer estas distâncias. Para que acostumem o corpo, como professores gostam de dizer, se adaptem a fazer mais quilometro por semana. Junte a este é fato alterações biomecânicas e falta de força no core, quadril e membro inferiores, temos um tempero perfeito para um corredor lesionado.

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Corrida de São Silvestre de 1936


Épico! 

Atletas posam nos degraus da escada da Catedral da Sé, em São Paulo, para a foto oficial da 12ª Corrida de São Silvestre de 1936.

terça-feira, 9 de agosto de 2016

Momento Olímpico!

Nenhum texto alternativo automático disponível.
Momento Olímpico!
O símbolo dos Jogos Olímpicos é composto por cinco arcos entrelaçados, com as cores azul, amarelo, preto, verde e vermelho sobre um fundo branco. Este foi originalmente concebido em 1913 pelo Barão Pierre de Coubertin, fundador dos Jogos Olímpicos modernos.
“ O emblema foi escolhido para ilustrar e representar o Congresso mundial de 1914: cinco anéis entrelaçados com cores diferentes - azul, amarelo, preto, verde e vermelho - são colocados no campo em branco do papel. Esses cinco anéis representam as cinco partes do mundo, que agora são conquistados para Olimpismo e dispostas a aceitar uma concorrência saudável.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...