sábado, 15 de outubro de 2016

Liberação miofascial para quem corre!


Resultado de imagem para liberação miofascial corredores
Muita gente já viu, mas ainda não sabe para que servem esses rolos e nem por que as pessoas ficam passando no corpo como se fossem um “rolo de pizza”. Alongamento ou exercício de fortalecimento? Nenhum dos dois. Eles servem para liberação miofascial, a prática que faz uso de rolos, de sticks e de bolas de tênis (ou bolinhas mais duras) para liberar a fáscia e promover maior liberdade do movimento muscular.
Indicada para qualquer pessoa, a liberação miofascial é um dos grandes segredos para prevenir lesões e aliviar as dores musculares em treinos intensos. “É um método em que aplica-se uma pressão em alguns pontos do corpo com o objetivo amassá-los, promovendo uma maior elasticidade do músculo (mio) e liberdade entre músculo e fáscia (tecido conectivo)”, explica Rene Azzi, proprietário do Six Plus, espaço para aulas focadas na mobilidade do corpo.
Fáscia
Mas o que é a fáscia afinal? Ela é uma lâmina de tecido que recobre todos os músculos do corpo, abaixo da pele, e que permite que os músculos deslizem perfeitamente durante os exercícios. Dói? Sim. Mas não é uma dor ruim, dói porque a prática está liberando pontos de tensão, estimulando a circulação local e renovando o oxigênio no sangue. No fim, ficamos aliviados, relaxados e alongados.

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Feliz dias das crianças!

Feliz dias das crianças!

A imagem pode conter: 1 pessoa





Consumir BCAA aumenta resistência e reduz fadiga na corrida:



Nenhum texto alternativo automático disponível.

Dica do dia!
Consumir BCAA aumenta resistência e reduz fadiga na corrida:
Os aminoácidos são a menor unidade na constituição da proteína, sendo fundamentais na construção das células e tecidos do corpo. Também são responsáveis pela formação dos anticorpos que combatem infecções causadas por bactérias e vírus, além de participarem da atividade dos músculos e do transporte de oxigênio por todo o organismo, funções estritamente relacionadas a exercícios de intensidade moderada/alta e longa duração, como a corrida. Dentre eles, os aminoácidos de cadeia ramificada, conhecidos como BCAA (branched chain amino acids), têm sido apontados como importantes aliados dos atletas no que diz respeito ao aumento da resistência e redução da fadiga durante a prática, principalmente em se tratando de provas mais longas, como a maratona.
Bons treinos!

sábado, 8 de outubro de 2016

Dica do dia!

Resultado de imagem para corrida e qualidade de vida

MÃOS INCHADAS DURANTE A CAMINHADA/CORRIDA



MÃOS INCHADAS DURANTE A CAMINHADA/CORRIDA


Pode não parecer, mas notar as mãos incharem durante a prática de atividades aeróbicas de longa duração é bastante comum. Logo abaixo, para estimular o retorno do sangue e evitar o inchaço, algumas dicas para você fazer.




Image

ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA

corrida rio
Corremos por muitos motivos e ter mais qualidade de vida está com certeza entre eles. Os vários benefícios físicos e psicológicos que a atividade física oferece nos tornam mais saudáveis – pensando em saúde como o completo bem-estar físico, psicológico e sociocultural, como conceituado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).
Ser saudável, portanto, vai além de não estar doente e torna ainda mais importante nossa qualidade de vida, que pode ser medida por um instrumento desenvolvido pela OMS, o WHOQOL-100. Nesse instrumento, são avaliados seis aspectos: físico, psicológico, nível de independência, relações sociais, meio ambiente e espiritualidade/religião/crenças pessoais. Ou seja, são esses os aspectos importantes para nossa qualidade de vida e saúde integral.
É interessante pensar o quanto correr tem uma influência positiva em quase todos esses aspectos, inclusive no nosso bem-star psicológico. Um dos objetivos da nossa ciência, a psicologia esportiva, é justamente entender como a participação em atividades esportivas afeta o desenvolvimento psicológico, a saúde e o bem-estar dos indivíduos.
Sabemos que os benefícios de se exercitar vão além do físico: nosso humor e nosso rendimento mental melhora, ficamos mais dispostos e menos ansiosos, estressados e depressivos. Porém o bem-estar psicológico pode variar de acordo com o tipo de exercício realizado e com os fatores envolvidos na prática, como o ambiente, os instrutores e a própria pessoa.
Alguns aspectos como o prazer proporcionado pela atividade, as expectativas e objetivos do praticante, a presença de competição e a intensidade do exercício, por exemplo, influenciam nos benefícios psicológicos que são atingidos com a atividade física, mas essa influência é individual. Competir, por exemplo, pode influenciar negativamente o bem-estar psicológico de um indivíduo, trazendo muita ansiedade, e influenciar positivamente outro indivíduo, trazendo motivação e autorrealização, por exemplo.
Por isso, é importante realizar uma avaliação constante dos efeitos da nossa prática de atividade física, entender quais aspectos dela influenciam positivamente ou negativamente em nosso bem-estar psicológico e, a partir disso, buscar extrair de nossa corrida o máximo de benefícios psicológicos que ela tem a nos proporcionar.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...